Que tal ser diferente sempre?
Alugue vestidos e acessórios

Same No More
  • Home
  • /
  • Sem categoria
  • /
  • Dicas para organizar seu guarda-roupa e ser uma consumidora consciente
Dicas para organizar seu guarda-roupa e ser uma consumidora consciente

Dicas para organizar seu guarda-roupa e ser uma consumidora consciente

Cansada de ver seu guarda-roupa sempre bagunçado? Mesmo cheio parece que você nunca tem o que vestir? Quer saber como você pode deixar tudo organizado e contribuir com o meio ambiente sem abrir mão dos seus looks? Então, confira neste post dicas para organizar seu guarda-roupa e ser uma consumidora consciente!

Dicas para organizar seu guarda-roupa e ser uma consumidora consciente

Quando nos deparamos com um armário lotado, na correria do dia a dia, facilmente vestimos sempre as mesmas roupas, esquecendo outras peças que poderiam transformar-se em looks diferentes. Inclusive quando compramos roupas novas sem verificar o que já possuímos, e muitas vezes, elas são deixadas de lado porque não combinam com as roupas do armário. Logo, depois de tantas tentativas frustradas de organização, seguimos empurrando essa ideia com a barriga. Não é mesmo? Enfim, chega uma hora que é preciso reservar um tempo para encontrar uma solução.

Repense seu guarda-roupa por categorias

Dicas para organizar seu guarda-roupa e ser uma consumidora consciente

Peças mais usadas X esquecidas

Primeiramente, separe as roupas que você mais usa das quais menos veste, e aquelas que são tendência. Assim, você consegue visualizar todas as suas roupas, monta looks com as peças do momento e também poderá identificar os motivos pelos quais deixou outras peças de lado.

Arrume a cada estação

Você também pode organizar seu guarda-roupa de acordo com a estação do ano. Separando, por exemplo, as roupas de inverno das roupas de verão. Pois, casacos de frio costumam ocupar mais espaço no armário. Por isso, deixe somente o que você estiver usando no momento, isso ajuda muito, principalmente, quando surge um imprevisto e você precisa montar um look às pressas. 

Separe por cor e estampas

Outra dica super válida é separar suas roupas por cores e tipos de estampas. Por exemplo, todas as blusinhas azuis em uma fileira, as peças com temas florais e animal print em outras. Essa separação facilita a procura por uma peça específica e deixa o espaço visualmente mais bonito e organizado.

Vestidos de festa

Não se esqueça dos vestidos de festa, porque eles merecem um lugarzinho especial no seu guarda-roupa!  Afinal, podem ser delicados dependendo do tipo de tecido e modelo, por isso o cuidado deve ser maior. Segundo a gerente de curadoria da Same No More, o ideal é guardar vestidos de festa em capas que permitam que a peça “respire”. Nesse caso, esqueça os plásticos, e deixe seus vestidos de festa distantes de outras roupas.

Roupas sem uso 

Como comentado na primera dica, separando roupas que não usa, você identifica os motivos pelos quais não as veste e pode decidir qual será o destino final dessas peças. Volta para o armário, vai para o conserto ou é hora de desapegar?  

Primeiro, avalie, quais são as chances de você usar tal roupa novamente? Observe pontos negativos e positivos. Se você só deixou de usá-la porque está com algum defeito, então reserve para levar a uma costureira. Do contrário, se decidir que não terá mais uso, nao descarte! Que tal doar ou vender em um bazar? Roupas em boas condições podem ter vida útil prolongada, o que contribui com o meio ambiente, farão outras pessoas felizes e você ainda vai ganhar um dinheirinho extra.

Repense hábitos de consumo

Depois de saber tudo o que tem no seu guarda-roupa, que tal repensar seus hábitos de consumo? As pequenas atitudes podem fazer toda a diferença! Por isso, respeitar a natureza não tem hora nem lugar. Então, se você se preocupa com o futuro e quer saber quais são as formas de contribuir com o meio ambiente, confira nosso blogpost: 5 hábitos do consumo consciente para começar a adotar agora no seu dia a dia.

 

 

Deixe uma resposta